sábado, 26 de setembro de 2009

Fanfic: Um Edward em minha vida - Capítulo 13



Oii gentee!
passando super rápido pra postar aqui o capítulo 13 pra vcs ;)
espero que gostem!

Capítulo 13 - Tudo diferente

Nota da autora: a piada do omelete foi porque na lua de mel a Bella só comia isso.

-Calma eu estou aqui, não se preocupa – era ele, olhei para seu rosto e vi que ele estava bem.

-Ahhh Edward – chorei mais ainda – fiquei com tanto medo – abraçei mais ele e enterrei meu rosto em seu peito aspirando seu cheiro.

-Calma Bells eu estou bem – ele me balançava igual um bebê, sorri como ele me chamou. Ele começou a cantar uma música de ninar e...

-Edward onde escutou essa música – me afastei para olhar nos seus olhos e estavam confusos.

-Eu quem fiz – ele sorriu – porque? Não gostou – ele parou de sorrir.

-Não não – me apressei em falar – eu adorei – eu me lembrei do que a Alice me falou, de não conseguir falar – ela é muito linda, mas Edward o que você está fazendo aqui? – enterrei meu rosto novamente em seu peito corando.

-Eu venho aqui a algum tempo – ele afagou meus cabelos e beijou minha cabeça – você tem um cheiro delicioso.

-Eu não quero você sofrendo – levantei meu rosto para encará-lo – sei muito bem o que meu cheiro faz com você.

-Bella eu... – coloquei meus dedos em seus lábios e ele fechou os olhos.

-Não adianta fingir, isso é verdade e não tem como te explicar como eu sei, apenas confie em mim.

-Eu confio – ele abriu os olhos e sorriu pegando meu rosto entre suas mãos – eu confio Bells, não se preocupe com isso porque eu dou meu jeito.

-Edward você deve ter disturbio de personalidade – ele riu e ficou sério – está vendo? É disso que estou falando, cada hora você está de um jeito.

-Isso é tudo culpa sua – eu me afastei dele e me levantei. Acabei cambaleando e antes de cair os braços do meu amor me alcançaram, me puxando para muito perto de seu corpo, fazendo nossas bocas ficarem centímetros de distância. Ele sorriu e soltou uma mão da minha cintura para acariciar meu rosto e eu fechei os olhos desfrutando de seu toque – tão quente, tão linda – suspirei e abri meus olhos.

Ele estava muito perto, podia sentir o cheiro de seu hálito se eu me aproximasse mais um pouco...

-Bella? – droga era minha mãe.

Continuei parada e ele ainda na minha frente.

-Bella minha filha, está acordada? - suspirei.

-Sim mãe, estou indo tomar banho daqui a pouco eu vou descer – ainda estava fritando aqueles olhos dourados e Edward ainda acariciava meu rosto sorrindo.

-Te espero – escutei ela descendo as escadas.

-É melhor eu ir para a minha casa trocar de roupa – ele se afastou e foi para a janela.

-Edward...

-Oie – ele virou para me olhar.

-Obrigada – não era para falar isso, Bella idiota – quer dizer, por me acalmar e não me achar maluca.

-Quem disse que não te acho maluca? – ele riu e eu corei – se não fosse maluca não falaria dormindo – ele sorriu e pulou para fora da janela.

-Eu não falo dormindo – tentei falar correndo para a janela, mas ele já tinha sumido. O que será que eu falei? Tinha que ser tudo igual não é? Deixa você comigo Cullen vou descobrir o que eu falei.

De repente eu parei, Edward Cullen estava no meu quarto me acalmando e ele quase me beijou. ELE QUASE ME BEIJOU, gritei em pensamento. Fui saltitante para meu banho, depois me arrumei com as melhores roupas que tinha, hoje era um dia muito especial. Do mesmo jeito que entrei no banho desci as escadas, minha mãe percebendo que estava alí me olhou assustada seguido do meu pai.

-Bom dia! – falei animada me sentado na mesa – o que temos para café da manhã?

-Bom dia querida, o que quer que eu faço? – ela disse desconfiada.

-Omelete – ri com minha piada interna.

-Está feliz porque amor? – meu pai falou sorrindo.

-Porque o dia está lindo, quer dizer está perfeito – cai na risada, se eu tivesse com o Logan ele ia achar que estava bêbada.

-Fico feliz com isso, preciso ir trabalhar, até mais tarde – ele se levantou me beijou na testa e deu um beijo na minha mãe.

-Tchau pai.

-Tchau amor – quando meu pai saiu minha mãe colocou minha omelete no meu prato e ficou me encarando.

-Vai me dizer o motivo de tamanha felicidade?

-Nada mãe, já disse que é pelo tempo – e porque o Edward Cullen apareceu no meu quarto e quase me beijou, se falasse isso ela não ia acreditar mesmo, dei de ombros – bom acabei meu café e já vou indo para a escola – dei um beijo estalado no rosto da minha mãe e sai de casa.

Quando cheguei na escola vi Edward ao lado de seus irmãos parado olhando para meu carro enquanto os outros conversavam rindo. Desci do carro e Alice virou o rosto rindo para mim e veio ao meu encontro.

-Bellinha, que bom te ver – ela pegou minha mão – vamos lá para perto dos meus irmãos - chegando lá Emmett me deu aquele abraço.

-Emmett... estou... sem... respirar – ele riu alto e me largou.

-Vejo que está muito feliz hoje não é? – ele olhou para Edward que sorriu para mim – E que coincidência depois que o Edward voltou de um passeio misterioso ele está com um sorriso gigante na boca – todos riram menos eu.

-Vamos parar com isso antes que a Bella tenha um infarto porque ela está muito vermelha – Alice falou rindo.

Edward se aproximou de mim quando todos já tinham ido para dentro da escola.

-Olá Bells, desculpa pelos meus irmãos eles...

-São malucos, eu sei - nós rimos.

-Você tambem é maluca, acho que trocaram a gente de familia – ele riu.

-E seus disturbios? Isso não é loucura? – pisquei para ele e sai andando para dentro tambem, mas Edward me acompanhou rindo e mexendo naquele cabelo dele deixando mais bagunçado, ficando perfeito.

A primeira aula era de biologia e essa eu tinha com Edward, chegamos na sala e ele perguntou se podia sentar comigo hoje, claro que eu disse que sim. Mia e Logan entraram na sala alegres, mas pararam na porta quando me viram conversando com Edward tambem alegremente. Edward riu dos dois.

-Acho que eles tambem estão confusos como eu – eu disse fazendo-o rir mais ainda.

-Você me faz ficar assim, pode perguntar para a qualquer um dos meus irmãos, antes de você aparecer na minha vida eu era completamente normal.

-Está dizendo que eu fiz mal para você – isso doeu.

-Lógico que não...

-Edward, não foi uma pergunta – olhei para minhas mãos e ele pegou meu rosto com suas mãos.

-Você mudou minha vida para melhor, não imagina com eu era antes de te conhecer – acredite Edward eu sei, falei em meus pensamentos.

-Bella – Logan estava na frente na nossa mesa com Mia – Oie Edward.

-Oie Logan, oi Mia – ele deu um sorriso sincero.

-Oie – sorri mas me sentia triste ainda, olhei para o rosto dos dois e esqueci da raiva – estou vendo que ajudei a formar um casal, vou cobrar – eles riram.

-O Logan me contou o que houve – Mia tinha um sorriso tímido na boca.

-Até que fim vocês se entenderam, não aguentava mais andar de vela – dessa até o Edward riu.

-Não vai precisar mais – Logan disse e sorriu para Edward que retribuiu. Espera um pouco que troca de sorriso foi esse? – é melhor a gente se sentar Mia a professora chegou, até depois – eles foram para os lugares dele.

-Eu não entendi o que ele quis dizer? – Edward apenas me olhou e sorriu malicioso.


3 comentários:

  1. acompanhando ávidamente.....
    ainda aguardando suaresposta sobre a afiliação....bjus

    ResponderExcluir
  2. Meu Deus....cadê o capítulo 14??? rsrsrs

    ResponderExcluir
  3. Juh amor, quando postar o capítulo 14 me diz que eu vou ajeitar e disponibilizar para download e colocar no site ta ;)

    To com este blog, adiciona nos seguidores do blog twilife ta certo amor :)

    Beijão :*

    ResponderExcluir